Rota Caminhos de Santiago

No concelho da Covilhã passa um importante caminho de que se serviam os peregrinos vindos do sul, ou de Castela, para depois seguirem para a Guarda, Trancoso, podendo depois optar por seguirem em direção ao designado “Caminho Português” ou “Via de la Plata”. O “Caminho de Santiago no Concelho da Covilhã”, percurso do secular é um itinerário de dificuldade média, ao longo de cerca de 13 quilómetros, desde o Ferro (Pedra do Adufe) até Peraboa (Capela do Divino Espírito Santo), onde se respira natureza, história e hospitalidade, encontra-se devidamente sinalizado e em boas condições de segurança. Com esta caminhada é possível dar início à peregrinação jacobeia para aqueles que assim o pretendam, sendo-lhes fornecida a Credencial do Peregrino, e que obrigatoriamente terão de fazer, para além deste percurso, um mínimo de 100 quilómetros a pé terminando em Santiago de Compostela.

O Município da Covilhã acolhe assim os peregrinos de Santiago, desejando-lhes uma excelente viagem no “caminho do bem-aventurado”.
Para este percurso aconselha-se o uso de calçado e roupa confortável; boné ou chapéu; o transporte de água, barras de cereais e frutos secos, importantes para evitar a desidratação, falta de energia, cãibras e tonturas.

O Albergue de Peregrinos, no Ferro, encontra-se já aberto para quem realiza a peregrinação a Santiago de Compostela. O Albergue possui camas e beliches podendo acomodar até sete peregrinos por noite, que deverão proceder à marcação prévia através do número: 964302817. O custo da estadia é de 7€ (sete euros) por pessoa sendo obrigatório a apresentação da Credencial do Peregrino (1). Para além das instalações sanitárias com duche quente, o Albergue possui salas de convívio e cozinha onde o peregrino poderá preparar a sua própria refeição.
A abertura deste equipamento teve lugar no início de Maio de 2021, e desde então foram já vários os peregrinos que por ali pernoitaram. O Albergue insere-se no Caminho Via Portugal Nascente, com início em Tavira, cujas etapas poderão ser conhecidas na A. P. P. Caminhos de Santiago e Caminho via Portugal Nascente
Este é um dos traçados que em Portugal se encontra na fase de certificação, atestando a sua autenticidade e a garantia de qualidade e segurança para o peregrino.

1 – A Credencial do Peregrino é um documento essencial para se poder pernoitar na maioria dos albergues de peregrinos (um pequeno número de albergues de gestão privada não exigem a credencial). É também essencial para a obtenção da Compostela, o “certificado” que comprova que cumpriu a peregrinação até à Catedral de Santiago de Compostela. Desde 2014, a Credencial serve também para se poder obter um certificado da distância percorrida onde consta o ponto de partida da peregrinação.