Visit Covilhã | Vem com tempo

"Tudo o que o visitante necessita na Covilhã... Encontre facilmente lugares, guias, direções, informação..."

Festival de Artes de Rua Portas do Sol..

Loading Map....

Data / Hora
04/09/2020
18:00 - 23:59

Localização
Covilhã

Categorias


18h00 _ ‘Cidades Criativas da UNESCO’
Local Miradouro Portas do Sol [conferência]
No âmbito da Candidatura da Covilhã a Cidade Criativa na Área do Design, terá lugar uma conferência com a presença de algumas das cidades criativas da UNESCO em Portugal, que partilharão a sua experiência e os impactos por pertencerem a esta rede internacional. Atualmente, fazem parte desta Rede seis cidades portuguesas, Idanha-a-Nova (Música), Óbidos (Literatura), Amarante (Música), Barcelos (Artesanato e das Artes Populares), Braga (Artes Digitais), Caldas da Rainha (Artesanato e das Artes Populares) e Leiria (Música).

21h30 _ DEL-REVÉS – ‘FINALE’ [Barcelona]
Local Igreja de Santa Maria [dança vertical]
Finale é uma peça de dança clássica que usa a arquitetura como suporte para o movimento. Este trabalho representa o resultado final de um processo de pesquisa, após a complexa adaptação desta disciplina a um plano vertical.
Finale oferece ao espectador a possibilidade de desfrutar da dança clássica num novo espaço cênico, descontextualizando-o, mudando o ballet para a fachada de um edifico ou um espaço natural. Partimos de peças clássicas famosas que o público irá identificar, recolhendo elementos dos ballets “O Lago dos Cisnes”, “Quebra-nozes” e “Giselle”, entre outros. Del-revés traz uma nova visão à dança vertical, criando uma linguagem própria e inovadora.
Direção e interpretação: Saioa Fernández y Sheila Ferrer | Música: Camille Saint-Saënsy Tchaikovsky | Fotografia: Frank Díaz | Técnico: Genís Morra

22h00 _ Phole [Porto]
Local Largo Portas do Sol [música]
Há muitos anos (pelos menos 7) na bruma da serra nasce o tocador do Phole. Quando os pássaros não bastam para colmatar o vazio sonoro e as árvores já não trauteiam canções orgânicas, os caminhos já não nos levam onde queremos ir. Na senda da descoberta infinita da regra desarticulada, do meandro absoluto do desapego sensível, encontra-se a forma abstrata de transformar reações cognitivas em padrões e reações sonoras. Se outrora o medo de se perder a “forma/fôrma” ocupou a consciência dos ouvidos plurais, interessa agora tornar o objecto num respeitado instrumento de reprodução sonora. Transformar as sequências sonoras em vivências: reações e ações.
João Gigante: “tocador” do projecto PHOLE

23h00 _ Toques do Caramulo [Águeda]
Local Largo Portas do Sol [música]
Os Toques do Caramulo reinventam-se continuamente, fazendo música nova das velhas cantigas e levando o público a surpreender-se com o repertório esquecido da Serra do Caramulo. Com amplo reconhecimento nacional e internacional, este é um espetáculo de forte energia musical e interação com o público, fazendo de cada concerto uma grande festa para todas as idades.
Luís Fernandes: voz, braguesa, acordeão, flauta | Pedro Martins: violino, bandolim | Alex Duarte: guitarra | Miguel Cardoso: contrabaixo | Gonçalo Garcia: bateria