Borralheira – Área de Descanso da Ponte Alvares

Tipo: Pedestre Linear; Distância: 10,4 Km

Duração Média: 2h25m (pedestre) 0h55 (BTT)

A Borralheira localiza-se na Freguesia do Teixoso, cujo povoamento remonta à época romana, comprovado por alguns vestígios arqueológicos encontrados na zona do Terlamonte. A origem do seu nome provém do facto de, na localidade, terem existido em abundância os teixos, árvores frondosas, baixas, de médio porte que, entretanto, foram desaparecendo. A ponte sobre o Rio Zêzere foi construída no século Séc. XVII por David Álvares, e apresenta características romanas.

A indústria, a agricultura, a pecuária, o artesanato em tapeçaria e bordados, o comércio e os serviços são algumas das principais atividades a que se dedica a população ativa. Além de ser um ponto de pesca desportiva muito apreciado, aqui encontra ainda um parque de merendas utilizado pela população local para fugir ao calor do verão. A gastronomia é bastante rica e diversificada. O caldo do forno, a panela no forno, o cabrito assado à serrana, as cherovias, as papas de carolo e o arroz doce fazem as delícias dos visitantes e turistas. A vila possui um património cultural edificado bastante vasto, do qual vale a pena referir a Igreja Matriz e a Capela do Santo Cristo, esta última classificada como imóvel de interesse nacional.

DESCRIÇÃO DO PERCURSO

Mantendo-se na margem direita do rio, a GRZ aproxima-se da linha férrea que acompanha ao longe, para a atravessar pouco depois e dirigir-se para sul através de estradas florestais com uma vista alargada sobre a Cova da Beira. Após atravessar o acesso à autoestrada por passagem inferior, o percurso chega novamente a uma estrada de alcatrão que o leva à ponte de Alvares.